E-crítica

Críticas e essays para assuntos diversos

O Natal está morto.

por Rafael.

Apesar de ser um titulo assaz revoltado e extremista, é o que acontece: o Natal nesses últimos anos está morto. E isso já faz uns 5 talvez 10 anos que está nessa decadência desenfreada rumo à capitalização e marketização desse dia 25 de dezembro. O real significado do Natal está cada vez mais desaparecendo.
A começar pelas crianças inocentes e fantasiosas. Hoje em dia, uma criancinha de 7 anos já tem a malícia suficiente para saber que Papai Noel não existe, e que o Rudolph e os gnomos ajudantes são só uma continuação dessa mentira. E elas sabem quem é Jesus? Obviamente não.
Mas coitadas das crianças! A culpa não é delas: a sociedade e principalmente os pais é que fazem essa modificação na cabecinha da criança. Inúmeras vezes eu vejo pais ensinando aos filhos que Papai Noel veio do Pólo Norte, que tem um trenó e tal, e simplesmente ignoram o nascimento do menino Jesus. Com o avançar da idade, os pequenos enganados descobrem que Papai Noel não existe (talvez contado por algum primo ou coleguinha), e com isso, não fica nenhuma imagem de Cristo.
Para corroborar com o problema, as lojas, mercados e indústrias se aproveitam da data para vender, vender, vender. Vendem árvores, pinduricálhos, comida para a ceia e principalmente os presentes, por que afinal, na cabeça das pessoas o que é o Natal sem presentes? O Natal é justamente presentes! Com isso, o povo vai acostumando com a idéia de comprar e trocar presentes e muito poucos ainda se lembram do nascimento do redentor: - Você sabia que o Natal se comemora o nascimento de Jesus? - Caraca!! Eu num tinha nem idéia!... É triste, mas é o que acontece. Em todo o Brasil e em alguns lugares do mundo a moral é esta: Natal, dia de presentes e da ceia. O que me faz lembrar que nem a ceia o povo sabe o significado.
Portanto, aqui hoje eu faço uma crítica a esse pensamento capitalista do Natal.

Um bom Natal pra vocês!!! - ou pelo menos o que dele restar.

postado por Igor @ 6:39 AM,

7 Comentários:

At 7:07 AM, Anonymous Diogo said...

Jesus está morto e suas intenções em fase terminal.

Actually o dia de 25 de dezembro é a data de comemoração do Deus Sol, e foi adotada pelo cristianismo no império romano na lastimável tentativa de conter o paganismo.

segundo os registros judaicos, jesus nasceu no dia 21 do oitavo mês no ano 7 a.C (?!?!)!

http://pt.wikipedia.org/wiki/Jesus#NASCIMENTO_E_INF.C3.82NCIA

 
At 1:25 PM, Anonymous Marcia said...

Oi Rafael,
Gostei muito da sua crítica sobre o Natal. Infelizmente, o que você disse é a mais pura verdade. As pessoas realmente parecem dar mais valor aos presentes e esquecem de refletir sobre o verdadeiro significado desta data... Fico feliz em saber o que você pensa e que as suas palavras possam fazer muitos refletirem sobre o assunto... bjs.

 
At 3:41 PM, Blogger Rodolfo said...

e aíu rafael bom o que posso dizer é que vc não deixa de ter razão, mas tenho que discordar de uma coisa, mesmo que muitas pessoas não saibam ou tenham esquecido o significado da ceia e do natal, não acho que devesse generalizar o lance de "o que é o natal sem presentes?" pois muitas pessoas passam o natal sem trocar presentes e não estou aqui falando de pessoas pobres mesmo elas estão dentro desse conjunto de pessoas, mas das pessoas que trabalham direto e não tem tempo de comprar presentes, ou mesmo de passear nas vesperas de natal, e daquelas que são tão solitárias na sua individualidade que não tem com quem trocar presentes, mas mesmo a essas pessoas e a aquelas que trocam presentes não podemos deixar de notar, um sentimento comum que parece transbordar em todos e que (isso sim parece dar sentido ao natal), uma bondade extra, um companherismo maior, o fato de desejar feliz natal para um extranho na rua que não conhece ser mais fácil, menos timidez na hora de demosntrar os sentimentos de amizade, e ternura, ou o fato de dar o presente só para receber um abraço de agradecimento, ser algo mais importante do que receber um presente de volta, ou só uma comemoração para reunir os parentes distantes, acho essas coisas muito mais importantes do que o nascimento de cristo ou de dar presentes, e de certa forma remete ao motivo do nascimento de cristo, trazer paz, e unir as pessoas como o amor e a comprienção, mesmo sendo um pouco mais capitalista acho que o natal nunca estará morto, enquanto houver esse sentimento transbordando das pessoas nessa data tão especial.

 
At 3:09 PM, Anonymous Marin said...

Sabe que concordo com vc! Acho que o principal pras pessoas agora é gastar gastar e gastar! É o capitalismo selvagem! è isso aí vc já disse tudo!
bjsss

 
At 8:13 AM, Anonymous Guto Santos said...

Olá meu caro, abordagem interessante e válida. Sim, sim... faz-se toda uma misancene capitalista em torno do Natal, mas eu diria que ele "não está morto", embora muitos "o matem" em si próprios, pois o Natal é celebração. Quem não o celebra na fonte, não vive sua real manifestação.

E ainda diria, se me permite, que não só o Natal nunca morrará, como também permanecerá sendo celebrado (assim como a Páscoa do Senhor) até que venha o Segundo Natal. Onde essa visita inesquecível, será realmente Inesquecível. Quando o "Senhor do Natal", Jesus, voltar, não será "mais na forma de uma criancinha desprotegida, nem nas aparências discretas de pão e vinho na eucaristia, mas sim glorioso e vencedor para fazer a justiça e a paz renascerem de maneira plena, gloriosa e permanente sobre a terra. " É essa a essência da esperança cristã, independente de qualquer denominação confessional e que não morrerá jamais mesmo que tenha que retornar às catacumbas do nosso mundo materialista e pós-moderno. Não morrerá jamais! :)

Um grande abraço!

 
At 3:51 AM, Blogger OZAIRES FERREIRA said...

Parabéns pela critica seu ponto de vista é muito bem aceito; Com o passar dos anos não vai mais falar me Cristo apenas no tal "papai noel" e seus presentes de fim de ano.

Ozaires Ferreira

 
At 3:51 AM, Blogger OZAIRES FERREIRA said...

This comment has been removed by the author.

 

Post a Comment

<< Home

Creative Commons License

Autores

Igor e Rafael
Somos o Igor e Rafael Do Rio de Janeiro, RJ, Brazil

Fiquem à vontade e comentem!

Arquivos
Posts Anteriores
Links
Powered By

Powered by Blogger
make money online blogger templates